NOTÍCIAS

Secretário Municipal Adjunto de Segurança Urbana apresenta projeto City Câmeras a moradores dos Jardins

A AME Jardins promoveu na noite de ontem (29/11) apresentação, aos moradores da região, do projeto City Câmeras, que tem como objetivo inibir, por meio de imagens captadas por câmeras de segurança, a ação de criminosos na capital paulista. Até o final da atual gestão, a expectativa é instalar 10 mil equipamentos na cidade. A palestra foi feita pelo secretário municipal adjunto da Segurança Urbana, Heni Ozi Cukier. Ele destacou que, em janeiro deste ano, havia, em São Paulo, apenas 75 câmeras. Hoje elas já são 703.

Cukier lembrou que, de acordo com o projeto, as câmeras de segurança precisam estar conectadas à internet e as imagens gravadas ficam arquivadas na nuvem, impedindo que os criminosos destruam os equipamentos e, consequentemente, as gravações. Os moradores interessados em aderir ao City Câmeras só precisam contratar a empresa fornecedora do serviço de armazenamento.

Apenas o delegado de polícia ou um capitão da PM poderão acessar as imagens gravadas pelos moradores utilizando seus logins e senhas, o que vai facilitar o trabalho de identificação dos criminosos. Como exemplo, o secretário citou a hipótese de um assalto ter ocorrido em uma rua e destacou que, em vez de mandar um investigador ao local, pela internet o delegado poderá ver as imagens e identificar o responsável. “A polícia, agora, tem uma poderosa ferramenta de fiscalização”, disse.

A AME Jardins aposta na melhora da segurança pública, um de seus pilares de atuação, com a implantação do programa City Câmeras na região, complementando o programa Vizinhança Solidária, idealizado pela entidade em 2014, em uma parceria com a Polícia Militar (PM). No encontro, o presidente da associação, Marcos Arbaitman, anunciou outra media para coibir os crimes – a aprovação, pelo governo do Estado e pela PM, da construção de uma base comunitária da PM, que será instalada na esquina das avenidas Faria Lima e Cidade Jardim. E lembrou que o “prefeito João Doria chama essa base de cápsula de segurança”, uma alusão ao projeto de Ruy Ohtake.

A parceria da entidade com a PM também foi destacada pelo capitão da PM e Comandante da 2ª Cia. do 23º BPM-M, Marcos Daniel Fernandes. “Trabalhamos em conjunto desde 2014 no programa Vizinhança Solidária, responsável pela redução de furtos e roubos na região”. Também presente ao evento, o prefeito regional de Pinheiros, Paulo Mathias, anunciou que vai realizar uma reunião com as polícias civil e militar, Ilume e os quatro CONSEGs da regional de Pinheiros para elencar as vias com altos índices de criminalidade e, desta forma, promover mais segurança.

Além dos os conselheiros da AME JARDINS Demétrio Hossne, Fábio Ermírio de Moraes, Gustavo Jobim, Joca Levy, João Paulo Diniz e Uri Arazi, participou do evento o Secretário Municipal de Relações Institucionais e também conselheiro da entidade, Julio Serson.